Adimar (PTB) Bambu (PDT) Bruno Mol (PSDB) Cristiano Vilas Boas (PT) Daniely Alves (PR) Fernando Sampaio (PRB) Juliano Duarte (MD) Leitão (PNT) Marcelo Macedo (PSDB) Pedro do Eldorado (PR) Prof. João Bosco (PP) Raimundo Horta (PMDB) Tenente Freitas (PHS) Tião do Sindicato (PTC) Zezé de Nego (PTB)
 

Histórias de Mariana e projeto social são temas de Tribuna Livre na Câmara

29 de maio de 2015

Post image for Histórias de Mariana e projeto social são temas de Tribuna Livre na Câmara

Durante a reunião da Câmara de Mariana realizada ontem, 25, a professora Marly Moysés e a historiadora Hebe Rôlla fizeram uso da Tribuna Livre para apresentar o projeto “Confraria das Gaveteiras”, um movimento de resgate e difusão da memória histórico-cultural e educacional de Mariana.

Para o Presidente da Câmara, vereador Tenente Freitas (PHS), o projeto será importante para mostrar aos jovens a história da cidade e das pessoas que a fizeram. “O projeto está no início e logo estará tomando conta dos quatro cantos de nossa cidade, resgatando a história dos moradores que fizeram a diferença em cada distrito e na sede, e, por muitas vezes ficaram esquecidos”, afirma Freitas.

A idealizadora e coordenadora do projeto, Marly Moysés, explica que o objetivo é ouvir as histórias antigas de Mariana, que marcaram a cidade ao longo dos anos. “Com a expressão ‘abrindo gavetas’, reviraremos histórias alegres, tristes e engraçadas que revelem a caminhada gloriosa e outras vezes inglória de nossa gente e da terra que nos viu nascer e nos abriga”, aponta Marly.

De acordo com a coordenadora, o projeto nasceu da vontade de contribuir para que as gerações que estão chegando tenham um vínculo com passado, conhecendo a história e as obras feitas por pessoas há mais de 200 anos, o que poderá influenciar na educação e o sentimento de pertencimento da sociedade marianense.

O projeto tem como proposta escrever cadernos e livros educativos-culturais com histórias advindas da população que contam casos de Mariana, resgatando a identidade da cidade.

Projeto “Luz em Sol Maior”

Na mesma reunião, a coordenadora do projeto “Luz em Sol Maior”, Andrea Ferreira, usou a Tribuna Livre para falar sobre o projeto que busca resgatar os jovens da violência e das drogas, inserindo-os no meio cultural e artístico, através de atividades como a música e a dança.

De acordo com Andrea, o projeto visa valorizar os jovens a fim de diminuir a violência entre eles. “Nossos jovens têm muito a mostrar e o projeto é uma forma de valorizá-los e sonhar com um futuro com menos violência e menos agressão”, ressalta Andrea.

Tenente Freitas ressalta a importância do projeto para jovens. Ele anuncia que a Câmara sempre apoiará projetos e pessoas que atuam em prol do município. “Andrea é uma dessas pessoas que tiram os jovens de caminhos tortuosos e merece todo nosso apoio e o nosso respeito. Temos que agradecê-la. Tudo o que pudermos fazer na Câmara, temos a obrigação de fazer” conclui Freitas.

Durante a reunião, a Câmara aprovou o Projeto de Lei n° 28/2015, de autoria do vereador Juliano Duarte (PPS), que institui no calendário oficial de eventos do município “O Projeto Luz em Sol Maior”. Os parlamentares também aprovaram o requerimento nº 34/2015, de autoria do vereador Cristiano Vilas Boas (PT), para realizar Audiência Pública sobre a redução da maioridade penal e debater a violência contra jovens negros em nossa cidade. A data da audiência será agendada.

Foto: Divulgação CMM

COMENTE pelo facebook ou pelo formulário no final da notícia:

Leave a Comment

Previous post:

Next post: