Adimar (PTB) Bambu (PDT) Bruno Mol (PSDB) Cristiano Vilas Boas (PT) Daniely Alves (PR) Fernando Sampaio (PRB) Juliano Duarte (MD) Leitão (PNT) Marcelo Macedo (PSDB) Pedro do Eldorado (PR) Prof. João Bosco (PP) Raimundo Horta (PMDB) Tenente Freitas (PHS) Tião do Sindicato (PTC) Zezé de Nego (PTB)
 

Vereadores pedem igualdade entre as bolsas de estágio do ensino técnico e ensino superior

23 de fevereiro de 2013

 

vereadores-pedem-igualdade-entre-as-bolsas-de-estagio-do-ensino-tecnico-e-ensino-superior

 

Gastos dos estudantes com o transporte também entra em debate e é discutido

 

Por Dreisse Drielle – Portal Mariana

Em reunião da câmara realizada dia 18 de fevereiro (segunda-feira), esteve em pauta o requerimento que trata da incompatibilidade de valores salariais entre as bolsas do ensino técnico e do ensino superior solicitado pelos vereadores Bambu, Zezé de Nego, Fernando Sampaio e Juliano Duarte. O requerimento em questão pede a equiparação de salários de estágio entre os níveis técnico e superior, já que ambos cumprem a mesma carga horária de trabalho e o ensino técnico recebe apenas meio salário mínimo.

Com a palavra, Juliano Duarte disse que o município dispõe de condição para pagar um salário mínimo para ambos os níveis e cita a dificuldade do estudante em pagar seus próprios gastos. Em justificativa, o secretário de administração disse que esse é o cumprimento do decreto onde é estabelecido meio salário para o estágio do estudante do ensino técnico e um salário para o estágio do estudante de nível técnico.

Com a palavra, o vereador Fernando Sampaio disse que poderia equiparar o salário técnico com nível superior, já que a quantidade de horas trabalhadas são as mesmas, e, para ele a prefeitura poderia continuar pagando 1 salário mínimo como pagava no ano passado.

Além da bolsa de estágio, o vereador Juliano Duarte pede que os vereadores se unam e peçam o cumprimento da lei criada pelo vereador Bambu e que trata sobre o meio-passe de transporte para os estudantes. A lei já sancionada, porém ainda não em vigor, garante que os estudantes arcarão com somente 50% do valor da passagem.

PARTICIPE pelo facebook:

Leave a Comment

Previous post:

Next post: